musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - AFU! - DA GUEDES - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Afu! letra


Baze

Vê os meus manos se adiantando como quis
A cara alegre a pele brilha, vê a família feliz
Aprendizado de guri, lobão não disse eu vi
Puxa 1, 2, amanhã 2, 3 depois foi 5 ,6
Cumpriu legal mudou de vez
Já ta na rua e troca idéia sem neurose outra vez
Pensei meditei não vo não fui, afu
Era muleque mas sabia as barca boa e as ruim,
O bom era senta troca idéia e relaxa,
Não do que por que eu dormia pra caraio
O vinho branco na noite fria era o achado,
Noite gelada chama as mina pra fica embolado
Treme de frio..brrr, Liga o fogo..tsss, Chama o X.. fsss
Tudo tri..
Quanto vale felicidade de parceiro,
Anda na rua cabeça baixa pra acha dinheiro
Pé quente desses só uma vez eu vi
Naco de barão, no baile hi-fi só curti, diz aí não é bom
Felicidade de muleque locão
Ouvi vi e vi tiros balançar os irmãos
Eu preferi tira platéias do chão

Afu!
Vê o meu mano se adiantando como quis
Afu!
A vida é louca mas maluco bate o pé e pede bizz
Afu!
De várias fitas e das tretas hoje da risada
Afu!
É parceria toda hora sem palavras.

Prego
To pra vê nas esquinas da selva cinzenta
A rapa desfilando de carango com umas preta
Atolado no chão curtindo Djavan
Numa sexta loca como faz o bom Vivam
De presença na vila, um homem de negócios sem vícios
Os perengue são ossos de ofício
Mas cada um na sua sereno, e todo respeito
Ao mais doce veneno
Eu sei qual é mas, mas vai na fé que é tudo nosso
Sem medo na pura e nem um pingo de remorso
Toda fartura a família..é quente
Vida longa aos leões APDUCORRE RESISTENTES
Embalados pelo som estilo Los Angeles
Pegada de Chicano, picadilia das gangues
Que sentiram na pele agüentaram no osso,
Cresceram se tornaram homens valorosos,
Um brinde ao Rap neto da madrugada
Afiliado do sereno, filho da tarde avermelhada
Que deu solução, conduziu, seduziu
Abriu os caminhos aos covardes destruiu
Eu quero é mais uma noite cheia de nostalgia
Amigos na volta e no rádio a magia
Só falando de bagulhos AFu!

Afu!
Vê o meu mano se adiantando como quis
Afu!
A vida é louca mas maluco bate o pé e pede bizz
Afu!
De várias fitas e das tretas hoje da risada
Afu!
É parceria toda hora sem palavras.

Gibbs
Parceria fraca nunca fui , nunca tive
Graças a deus fiz várias fitas continuo firme
Cauteloso com as palavras, atitude no verso
É ter conceito com os malandro, nego veio
Liga sempre está por cima sem pisar cabeça erguida
Fazendo um som que transforma várias vidas em crise
Na boa eu desejo que os meus manos prosperem
Pelo certo que a vida se encaminha dos meus
O tempo é curto pra caramba pra ficar de bobeira
Prove desse veneno, embarque nesta viagem
Chama os loucos e várias minas pra curtir afu
Andar sereno na moral consciência tranqüila
Ta em dia com a rapa, kit na galeria
Seu caráter é a senha pra chegar chegando
Não importa o lugar é sempre bem recebido
Troca idéia com os malandro e não se envolve
O clima é nervoso, e nem me pilho, deixa quieto, a fissura
Andar somente pra frente pode crê é a minha
Liberdade pra viver numa tri
Pra mim ta bom, já dá pra ser feliz

Afu!
Vê o meu mano se adiantando como quis
Afu!
A vida é louca mas maluco bate o pé e pede bizz
Afu!
De várias fitas e das tretas hoje da risada
Afu!
É parceria toda hora sem palavras.

DJ Deeley

Da Guedes - Letras

©2003 - 2018 - musicas.mus.br